Transamerica Expo Center
Entrevista especial: Fernanda Prestes

20 dez 2012

Entrevista especial: Fernanda Prestes

A diretora de planejamento Fernanda Prestes trabalha a mais de 30 anos no mercado de congressos. Ela começou a carreira profissional na década de 80 e conta que muitas coisas mudaram nesse setor durante esses anos. Para a empresária, a internet foi fundamental para a consolidação dessas mudanças e reforça ainda a importância das redes sociais: “Essas tecnologias deixaram de ser simplesmente ferramentas de marketing para a divulgação do evento. Elas assumem cada vez mais um papel fundamental e estratégico no planejamento geral do congresso”.


Saiba mais sobre o universo da organização de congressos e um pouco do trabalho da Fernanda nessa entrevista especial.

Quando você começou a trabalhar com a organização de congressos? De lá para cá, o que mudou nessa área de atuação?

Eu comecei nos anos 80. No final dessa década, algumas mudanças já se alinhavam com a presença de sistemas de informática para gestão de bancos de dados. Porém, a mudança mais impactante na forma como eu organizava congressos deu-se em 1995, quando eu trouxe do Canadá, uma ferramenta nova que poucas empresas tinham e nenhuma na área de eventos conhecia: a internet!

A partir daí, absolutamente tudo mudou nos congressos. O planejamento, o cronograma, a forma e a velocidade da comunicação, a linguagem, os conteúdos interativos, as plataformas de marketing para os patrocinadores e, principalmente a dinâmica da gestão.

Outra mudança importante e que veio para somar à nossa experiência e otimizar essas ferramentas, é o desenvolvimento de novos modelos de negócios, inovações no ambiente organizacional e a elaboração dos POPs (Procedimento Operacional Padrão) que implementamos em nossa empresa bem como a customização destes procedimentos para cada evento.

Esse tipo de gestão aliado às habilidades de nossa já experiente equipe maximizou a efetividade dos talentos individuais e interpessoais no desempenho da organização dos projetos.

Você disse que a internet revolucionou a forma de organizar eventos. Atualmente, qual a principal novidade quando se fala em marketing na área de organização de congressos?

Seguramente, as mídias sociais! Essas tecnologias deixaram de ser simplesmente ferramentas de marketing para a divulgação do evento. Elas assumem cada vez mais um papel fundamental e estratégico no planejamento geral do congresso.

Quais as principais novidades em relação ao conteúdo e as tecnologias empregadas na área de organização de congressos?

Para nós organizadores, a informatização completa dos congressos tem sido uma ferramenta fundamental para a administração de grandes projetos.

Como está a agenda de congressos para 2013, quais os principais eventos para o ano que vem?

Na cidade de São Paulo, teremos o tradicional SIMASP, um congresso muito importante na área de oftalmologia, que acontece todos os anos em fevereiro ou março abrindo o calendário dos eventos oftalmológicos no Brasil. Em junho, também em São Paulo, teremos o Congresso Latino Americano de Infectologia Pediátrica a ser realizado em conjunto com o evento nacional da SBIm – Sociedade Brasileira de Imunizações. Em outras capitais, teremos o Congresso Brasileiro de Transplantes de Órgãos, o Congresso Brasileiro de Cirurgia da Mão e o Congresso Brasileiro de Retina e a gestão da programação científica do Congresso Pan Americano de Oftalmologia.

O que faz um congresso ter sucesso?

Não existe uma fórmula. Existe muito planejamento, muita pesquisa, mais planejamento, análise de risco, mais planejamento e um pouco de atrevimento!

Qual a importância da estrutura do centro de convenções do Transamerica para os congressos realizados por sua equipe?

Entendo por estrutura não só a parte física dos equipamentos que é fantástica e todos conhecem, mas principalmente a equipe que faz a gestão do empreendimento e que nos atende durante um ou dois anos na fase de planejamento do evento. Fechar um contrato de locação com o TEC é certeza de termos o espaço onde será realizado o congresso como um grande parceiro do evento e que nos apoiará no que for possível (às vezes, no impossível também).
No mercado em que atuo, na área da saúde, os congressos têm crescido muito em tamanho, em investimentos de patrocinadores e frequência de público. Um público cada vez mais exigente que demanda espaços adequados, confortáveis e modernos. E nós, organizadores de eventos, precisamos cada vez mais de espaços com estas características, todas somadas a muita flexibilidade de acomodação. O TEC reúne todas essas qualidades.